8 min de leitura
19 Jul
19Jul

Neste texto vamos falar sobre como preencher uma nota fiscal de serviço, quais são os seus benefícios, seus desafios, e algumas curiosidade que vão contribuir para a sua jornada empresarial. 

O que você vai ver nesse texto: 

  • Campos a preencher em uma nota fiscal de serviço
  • Quais os benefícios da NFS-e para o seu negócio?
  • Qual a diferença entre NFS-e (nota fiscal de serviço) X NF-e (nota fiscal de produto)?
  • Passo a passo para preencher na NFS-e, a nota de serviço
  • Fiz emissões de Notas Fiscais, consigo procurar no sistema da Prefeitura?
  • Sou MEI, preciso emitir nota fiscal?
  • Sou de Brasília, e meu Município não tem prefeitura, e agora? Como emitir Nota fiscal de prestação de serviços?
  • O Certificado Digital uso para que?
  • Quais os desafios da emissão de NFS-e?

Campos a preencher em uma nota fiscal de serviço

Você sabe o que é Nota Fiscal? 

A nota fiscal é uma das tarefas mais importantes para qualquer empresa. Ela não é só responsável pela garantia dos pagamentos de impostos, mas também ajuda manter a contabilidade em dia. 

Ao mesmo tempo, a emissão pode se tornar muito complicada quando não se sabe como fazer o preenchimento dos campos. 

É necessário que tudo seja inserido de maneira correta para que não haja divergências com o sistema do seu município.

Para emitir uma nota fiscal de prestação de serviço, é necessário fazer o credenciamento na prefeitura, depois acessar o sistema emissor. Se você é um prestador de serviços, significa que paga ISS (Imposto Sobre Serviços).

Portanto precisa saber como preencher a nota fiscal de maneira correta. 

Ao incluir o recolhimento do ISS em seus tributos, sua empresa já pode usar a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e) para registrar as prestações de serviços que irão ser realizadas. 

É necessário emitir uma nota fiscal toda vez que fechar um contrato com uma outra empresa, o que te garante qualidade e segurança nas prestações de serviços. 

A NFS-e é um documento que formaliza a transação entre comprador e vendedor seja no ambiente físico ou digital. 

A NFS-e ainda pode ser utilizada como recibo e tem validade jurídica e fiscal. 

Lembrando que, toda e qualquer empresa prestadora de serviços, ou empresa que comercializa produtos tem a obrigatoriedade de emitir nota fiscal.

Quais os benefícios da NFS-e para o seu negócio?

  • Redução de custos com compra de papeis, armazenamento e gráfica;
  • Possui validade jurídica e fiscal;
  • Diminui chances de erros por evitar tarefas repetitivas;
  • Simplifica os processos tributários;
  • Permite a automatização da emissão;
  • Permite que as transações sejam realizadas com segurança;
  • Permite maior controle do seu negócio, já que é possível visualizar relatórios das notas emitidas de acordo com as suas vendas;
  • Possibilita integração com outros municípios.

Qual a diferença entre a NFS-e (nota fiscal de serviço) e a NF-e (nota fiscal de produto)?

Antes de entender como preencher uma nota fiscal de serviço, é necessário ressaltar algumas diferenças entre a nota fiscal de produto e a nota fiscal de serviço. 

  • Cada uma delas é emitida por um órgão emissor diferente;
  • Elas têm finalidades diferentes.

A NFS-e tem como objetivo informar, citar os serviços que foram prestados.

 A NF-e, nota fiscal de produto, tem a função de registrar as mercadorias vendidas, ela serve para você controlar tudo que está saindo da sua empresa. 

A NFS-e é emitida pelo sistema da prefeitura (órgão municipal). 

A NF-e é emitida pelo Sefaz (Secretaria da Fazenda – órgão estadual).

Passo a passo para preencher na NFS-e, a nota fiscal de serviço

  • É necessário preencher o formulário para o credenciamento ao sistema emissor municipal;
  • Assim que deferido o acesso, deverá realizar o login no sistema da prefeitura.
  • É necessário preencher os dados da sua nota como por exemplo: O CNPJ do tomador de serviços, para quem você irá prestar os serviços, a descrição do serviço prestados podendo colocar o período da prestação, dados bancários ou até mesmo outras informações que você considerar importante, e por fim escolher a atividade que será prestada.
  • Outro ponto importante é o valor que foi cobrado pelos serviços e a porcentagem da alíquota que será recolhida. É fundamental você consultar sempre o seu contador para informar os valores corretos, pois pode acontecer de ocorrer divergências nos valores recolhidos na prefeitura, o que gera débitos futuros para a empresa.
  • Se a sua empresa é optante pelo Simples Nacional, os campos dos impostos federais como PIS, COFINS, CSLL, IRPJ, não deverão ser preenchidos pois esses impostos são recolhidos unicamente dentro da guia do DAS.
  • E por fim, basta clicar em emitir nota fiscal e enviar para o seu cliente para que ele saiba da conclusão da transmissão da nota.

Fiz emissões de Notas Fiscais, consigo procurar no sistema da prefeitura?

Claro, consegue sim, as notas fiscais de serviço eletrônica ficam armazenadas no seu cadastro de modo que facilite a consulta para a empresa ou porventura você precise fazer o cancelamento deste documento você consegue ter acesso dentro do seu cadastro municipal.

Sou MEI, preciso emitir nota fiscal?

Se a sua empresa é MEI, você não tem a obrigatoriedade de emitir notas fiscais, mas é de extrema importância que esteja alinhado com o seu contador para que não ultrapasse o limite permitido pelo Regime Tributário o que muitas vezes pode ocasionar o desenquadramento para o Simples Nacional e você tenha que fazer os recolhimentos dos impostos de uma forma retroativa.

Sou de Brasília, e meu município não tem prefeitura, e agora? Como emitir Nota Fiscal de prestação de serviços?

Calma, não se desespere. Neste caso, você pode estar utilizando o emissor gratuito do SEBRAE para emitir uma nota fiscal de serviços porém no modelo de NF-e pois como o seu município não tem um órgão municipal, você tem essa alternativa para realizar as emissões e não ficar sem faturar, o que se torna importante para qualquer empresa.

O Certificado Digital uso para que?

O certificado digital é utilizado muitas vezes para realizar a transmissão da nota fiscal emitida para o sistema federal, mas isso irá depender do sistema emissor pois cada um possui peculiaridades diferentes, mas que garante segurança e integridade na transmissão. 

O certificado digital é o que representa a identidade de uma pessoa física ou jurídica na hora de emitir uma Nota fiscal eletrônica ou até mesmo realizar assinaturas digitais, ele tem validade jurídica e fiscal. 

Existem dois modelos disponíveis de certificado digital: o A1 e o A3. 

O A1 é um arquivo digital, instalado na maquina ou diretamente ao emissor de NFS-e e deve ser renovado anualmente. 

O A3 é um dispositivo físico ou token, semelhante a um pen drive. Tem validade de 1 a 3 anos, porém deve estar sempre acoplado ao seu computador para que seja utilizado. 

Mas o recomendado é o uso do certificado A1. Ele garante segurança, praticidade e permite que o processo de emissão de NFS-e seja totalmente automatizado, o que não é possível com o A3.

Quais os desafios da emissão de NFS-e?

Apesar do modelo eletrônico ter revolucionado as operações fiscais no Brasil, ainda se encontram algumas dificuldades como: 

  • Instabilidade no sistema emissor: é bem comum que os sites apresentem instabilidade principalmente no início e no final do mês, mas isso é devido ao alto volume de documentos a serem gerados. É recomendado nunca deixar a emissão para a última hora, realize a emissão sempre no ato da contratação.
  • Variação do serviço prestado: Se tiver que prestar um serviço que não contém o código de serviço no seu cadastro, é necessário se adequar as atividades prestadas para que a nota seja emitida corretamente.
  • Variação de alíquotas: É de extrema importância que você esteja alinhado com o seu contador para que emita a nota fiscal com o valor correto da alíquota, pois ela tem que ser corresponde a faixa de imposto que a sua empresa está enquadrada.
  • Retenção de ISS: em alguns casos pode ser que a prefeitura reivindique a retenção de ISS mas isso depende muito do lugar em que o serviço foi prestado, do seu município e da cidade em que o serviço foi prestado.
  • Mudanças sem aviso prévio: É comum que as prefeituras realizem mudanças no sistema sem aviso prévio, principalmente quando há alteração na gestão municipal. Dessa forma é necessário se integrar novamente ao novo órgão emissor.

E aí, agora ficou bem mais fácil de compreender uma nota fiscal de serviços? Nós da Contabilizeaqui, trabalhamos com transparência, qualidade e segurança. Contrate agora nossos serviços, o nosso sucesso é o sucesso da sua empresa.

Contabilidade Online é uma nova modalidade de contabilidade

O contador que você busca, só que de maneira prática, inteligente, econômica, mas acima de tudo, humana e de baixo custo, desenhada para pequenas e médias empresas com o objetivo de estar disponível para você, empreendedor! 

Usamos da tecnologia para reduzir seus custos e trabalhamos continuamente para oferecermos um serviço com muita qualidade!

Pensando em abrir empresa?

Fale com nossos especialistas 💙

Autora: Letícia de Estefano

Consultora Fiscal na Contabilizeaqui 








Comentários
* O e-mail não será publicado no site.