Como o DDA pode facilitar o dia a dia da sua empresa?


2 min de leitura

DDA - Débito Direto Autorizado


Conforme pesquisa feita pelo Banco Mundial, o Brasil foi eleito o país mais burocrático do mundo. Conforme reportagem do site Fenacon “...a Bolívia ocupa o penúltimo lugar, segundo o relatório, com 1.025 horas por ano gastos com burocracia tributária. Na Argentina, por exemplo, o tempo médio é de 311,5 horas anualmente. Já no México o número cai para 240,5 horas/ano. A média nos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE ) é de 160,7 horas anuais. Aqui é onde se gasta mais tempo no mundo quando se trata de burocracia tributária". A referida pesquisa estima-se que no Brasil são gastos 2.000 horas/anos com burocracia tributária.

A pesquisa é contestada pela Receita Federal, que estima-se que no Brasil são gastos 600 horas/ano com trâmites burocráticos.

Enquanto a parte burocrática no Brasil caminha a duras penas, o nosso sistema bancário é um dos mais avançados do mundo e a criação do DDA – Débito Direto Autorizado, foi mais uma inovação que visa facilitar a visa o empresário brasileiro.


Veja também: ISS ou ISQN


Conforme o site da FEBRABAN “o DDA é mais uma inovação desenhada e implementada pela FEBRABAN e os bancos associados para contribuir com maior produtividade e eficiência o sistema. No início da década de 90 foi inserido nos boletos ou bloquetos de cobrança o código de barras. Isso permitiu que a compensação fosse realizada de forma eletrônica, sem o trânsito do documento físico pela compensação. Mas, o cliente continuou recebendo em casa ou na empresa, os boletos em papel, que substituem, por sua vez, duplicatas, notas promissórias, letras de câmbio, recibos ou cheques. O DDA surge para facilitar o dia-a-dia das empresas, clientes e usuários. O sistema permite que todos os compromissos de pagamentos sejam recebidos eletronicamente, por meio dos bancos que atendem pessoas físicas e jurídicas. Os valores das transações, a exemplo do que já ocorre hoje, serão automaticamente creditados na conta corrente dos clientes credores. ”

Como funciona na prática?


O fluxo normal de uma empresa seria:

1)A empresa compra de um fornecedor uma mercadoria ou serviço

2)Após acordado as condições de pagamento e valores, o fornecedor envia para a empresa nota fiscal, produto e boleto bancário.

3)O departamento de contas a pagar da empresa, precisará realizar o pagamento, no dia de vencimento do boleto enviado pelo fornecedor.

Se pensarmos em apenas um boleto bancário, isso parece ser simples, mas imagine se a empresa tiver 100 boletos bancários para pagar ou se a empresa não possuir um Departamento de Contas a Pagar dedicado a isso?

Aí que o DDA Auxilia grandes e pequenas empresas?

Você cadastrando o DDA, assim que o fornecedor emitir o boleto bancário, ele aparecerá no site do seu banco, apenas para autorização do pagamento, não sendo necessário digitar o código de barras e evitando que a sua empresa esqueça o pagamento da respectiva obrigação.

Nossos clientes do Contabilizeaqui, já constam com essa comunidade, assim que emitirmos os nossos boletos, eles já aprecem nos sistemas bancários de nossos clientes. A sua empresa ainda não utiliza o DDA? Converse com o gerente do seu banco e adquira mais essa facilidade do nosso avançado sistema bancário.


E então, entendeu como funciona o DDA? Se você achou esse conteúdo útil e interessante, não deixe de compartilhá-lo nas suas redes sociais!


 Leandro Batagin

Sócio Idealizador do Contabilizeaqui


Contabilizeaqui é uma contabilidade online inteligente, prática, humana e de baixo custo, desenhada para pequenas e médias empresas. Está querendo abrir empresa ou busca um contador online, Contabilizeaqui. 



ISS ou ISSQNISS ou ISQNISS ou ISQN

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.