10 termos que todo empreendedor se depara ao querer abrir uma empresa


4 min de leitura


Sempre que todo empreendedor pretende abrir uma empresa, ele se depara com uma diversidade de termos que deixam qualquer um confuso. Neste artigo, vamos explicar os 10 principais termos encontrados.


1) Denominação ou Razão Social

Razão Social é o nome de registro da sua empresa. Também conhecido como Nome Comercial, Denominação Social ou Firma Empresarial, é o nome dado à pessoa jurídica, que consta em documentos legais, contratos e escrituras. Ao emitir uma nota fiscal esse é o nome que apresentará junto o seu CNPJ. 

Exemplo: o razão social do Contabilizeaqui é : Contabilizeaqui & Santa Isabel Escritório Contábil Ltda


2) CNPJ

Ao pé da letra a sigla CNPJ significa Cadastro Nacional de Pessoal Jurídica, é um número de identificação da sua empresa perante os órgãos governamentais, poderíamos a grosso modo dizer que o CNPJ é o CPF da empresa.

Exemplo: O CNPJ do Contabilizeaqui é 61.706.842/0001-58.


3) Nome Fantasia

Nome Fantasia, também conhecido como Nome de Fachada ou Marca Empresarial, é o nome popular de uma empresa, e pode ou não ser igual à sua razão social. Geralmente, é o nome que serve para a divulgação de determinada empresa, visando o maior aproveitamento da sua marca e da estratégia de marketing e vendas.

Exemplo: O nosso nome fantasia é Contabilizeaqui, ou seja, é o nome pelo qual os nossos clientes nos conhecem.


4) Capital Social

O capital social é o valor que os sócios investem no momento da abertura da empresa, a quantia necessária para o início das atividades.

Exemplo: Dois sócios decidem abrir um comércio e o dinheiro gasto para o início das atividades é de R$ 5.000,00, sendo R$ 2.500,00 cada um. Esse valor inicial é chamado de Capital Social.


5) Forma de Integralização do Capital Social

É a forma de como será pago o capital social que os sócios se comprometeram disponibilizar para a empresa.

Exemplo: Continuando o exemplo do item anterior, seria a forma que cada sócio irá disponibilizar (no termo técnico chamamos de integralizar) a quantia de R$ 2.500,00, que pode ser em dinheiro, estoques, maquinários, etc.


6) Cnae

A CNAE ou, por extenso, Classificação Nacional de Atividades Econômicas, é uma forma de padronizar, em todo o território nacional, os códigos de atividades econômicas e os critérios de enquadramento usados pelos mais diversos órgãos da administração tributária do Brasil. A CNAE é aplicada a todos os agentes econômicos que se engajam na produção de bens e serviços. Isso inclui empresas e organismos públicos ou privados, estabelecimentos agrícolas, instituições sem fins lucrativos e até mesmo agentes autônomos (pessoa física).  a forma de como será pago o capital social que os sócios se comprometeram a disponibilizar para a empresa.

Exemplo: No nosso caso o cnae é 69.20-6-01 - Atividades de contabilidade. O cnae pode variar de empresa a empresa, pois precisa estar condizente com a atividade que irá desempenhar.

7) Tipo de empresa

Existem basicamente três tipos societários que a empresa pode optar:

EI (Empresário Individual): São empresas que possui um único sócio. Geralmente optam por esse sistema empreendedores que prestam serviços ou que gerem o negócio sozinho, neste tipo de empresa o empresário pode responder com bens pessoais por possíveis dívidas da empresa.

EIRELI (Empresário Individual de Responsabilidade Limitada)Essa modalidade é muito similar a anterior, porém com a diferença que para abrir esse tipo de empresa é necessário um capital social (que agora você já sabe o que é, correto ?)  de 100 salários mínimos e em caso de dívidas está limitado ao capital social da empresa. 

SociedadeEssa modalidade é quando a empresa possui no mínimo dois sócios e é necessário a realização do contrato social, enquanto as duas modalidades anteriores, é elaborado o requerimento do empresário. 

8) Porte da empresa

Existem basicamente três portes de empresa:

MEI: A sigla significa Micro Empreendedor Individual e escolhem essa modalidade empresas que faturam até R$ 81 mil por ano (até o ano passado esse valor era R$ 60 mil), e só podem ter um funcionário.

ME: A sigla significa Micro Empresa e escolhem essa modalidade empresas que faturam até R$ 360 mil no ano. 

EPP: A sigla significa Empresário de Pequeno Porte e optam por essa modalidade empresas que faturam até R$ 3,6 milhões. 

9) Tributação

Simples Nacional: Modelo simplificado de tributação, pagando um único imposto chamado DAS.

Lucro Presumido: Neste modelo se presume o lucro e paga uma alíquota fixa dos impostos, conforme o faturamento. 

Lucro Real: Como o próprio nome já diz, os impostos são calculados conforme o lucro da empresa. também tem impostos que incidem sobre o faturamento.

Via de regra empresas tributadas pelo simples nacional tem uma condição tributária diferenciada, porém é recomendado avaliar caso a caso.

10) Inscrição Imobiliária

Número de IPTU do imóvel onde será desempenhado a atividade.


E então, entendeu os principais termos que você deve saber em um processo de abertura de empresa ? Se você achou esse conteúdo útil e interessante, não deixe de compartilhá-lo nas suas redes sociais!


 Leandro Batagin

Sócio Idealizador do Contabilizeaqui

 


 

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.